30/05/2012

Sneakers de salto: uma relação de amor e ódio

isabel marant sneakers

Passeando pelo facebook, instagram e twitter (@marimssiebert) nos últimos tempos, é evidente que a febre dos sneakers de salto está cada dia maior no Brasil: tanto paro o amor, quanto pro ódio. Bom, começando do começo, sneakers nada mais são que tênis de passeio: aqueles sem função para o esporte ou outra atividade específica, tipo o clássico All Star. Erroneamente o povo já está falando sneaker e associando àqueles de salto, vindos da ideia daqueles que Isabel Marant criou (ou não). 

Bom, não sei se é pela minha formação em moda ou a curiosidade latente do geminiano (ciência, oi?), mas eu sempre me perguntava como funcionava esse processo: um objeto que parece horrendo há alguns anos, “do nada” vira febre e as pessoas compram sem pensar; apenas precisam dele. O tal do must have. Enfim, existem várias teorias dentro dos estudos de moda que vão desde o lançamento de tal produto/cor/forma por um bureau de tendências, de acordo com o que o mercado pode oferecer em grandes quantidades, até o street style, formando um denominador comum de tal objeto/cor/forma, passando por uma forte campanha de marketing de tal marca. Pensem bem: quem de vocês conhecia o nome Isabel Marant antes desta febre?

Pois bem, dentro de várias possibilidades, penso que foi escolhido pela marca citada acima o último caso: um bom e caro plano de marketing. Ou vocês acham coincidência várias celebridades internacionais, conhecidas pelo seu estilo e bom gosto, do nada, aparecerem usando este calçado?

famosas-com-wedge-sneaker

Nos blogs que acompanho (e são muitos), ficou bem claro o processo: identificada a tendência, as bloggers trouxeram o assunto à tona, normalmente perguntando: “você usaria”? É a fase do estranhamento. Depois de muitas celebridades, fashionistas etc aderirem, vem a fase da aceitação: “até que é bonitinho”. Até a fase atual que nos encontramos, que a pessoa se desespera e precisar ter o objeto para não se sentir inferior, fora dos padrões. Óbvio que essa é uma análise fria e não se encaixa à todas. Mas no geral, é assim que acontece. E algumas que não “caem” nos braços de determinada moda, se voltam contra, tendo até ódio de quem usa.


Na minha humilde opinião e gosto (o tal “olhei, adorei/odiei”), eu gosto. Acho a ideia genial no sentido de ser um tênis de salto. A ideia não é nova, porém. Eu, por exemplo, tenho um tênis de salto comum (nem muito fino, nem anabela) há anos, que usei muito, com muita gente torcendo o nariz. Também tenho sneakers de cano longo, estilo botinha de boxe, que também gosto muito. Mas adorei a ideia de esconder o salto (que algumas marcas fizeram precariamente). Acho, porém, um pouco estranho ver meninas que nunca colocaram um tênis no pé, usarem os tais. Aí vale repensar: ou você respeita seu estilo, ou a moda engole você. “Ah, é super confortável!”. Havaianas também são.


Enfim, não esquente a cabeça. Entenda o processo de moda, como ela entra no nosso dia-a-dia (afinal, ao escolher até uma camiseta branca e um par de jeans você está inserido na sistema de moda) e adapte ao seu mundo. Gostou, não vai morrer de fome se comprar, se sente bem com ele? Use, oras! Sem dar explicação à ninguém, respeitando seu estilo e corpo, não se sacrificando pelo objeto de desejo. Odiou? Está no seu direito, afinal, você deve estar se perguntando: que diabos essas criaturas tem na cabeça pra achar isso bonito? Mas pense que você também usa outro tipo de objeto/forma/cor, que combina mais com você, caindo igualmente no “truque” da moda.

Moda é esse bichinho complicado mesmo, altamente subjetivo. Fútil? Inútil? Incoerente? Pode até ser. Mas ela existe, está inserida em você, no seu dia-a-dia e reflete nosso período histórico. Entender um pouquinho do que acontece e não ser escravizado por ela é um opção, digamos, bacana.

Ah, eu não tenho os famosos sneakers de salto. Ainda. Ou não. ;)

14 comentários:

Josiane Gobi disse...

Realmente moda é bicho bem complicado.
Passei exatamente por tudo que você citou no texto. No começo achava SUPER esquisito e também ficava me perguntando o que esse povo, que nunca usou um tênis na vida, está fazendo com essa coisa nos pés? Depois de tanto ver a "figura" em blogs e afins, comecei a achar "bonitinhos" e hoje até estou "desejando" um, mas ainda não tive coragem de desembolsar alguns reais por um tênis que vou usar hoje e amanhã nem sei se vou usar.

Adorei o post Mari
Beijos

http://www.ninamenina.com/

Cris Felipetti Ferreira disse...

Mari adorei o post, muito bem explicado! Concordo com vc, sobre as loucuras que o mkt faz com a "gente", confesso que eu tenho um e adoro hehe. Beijos

Aiko Yamamoto disse...

Mari, adorei seu post. Fiz moda tbm e adoro sneakers, desde all star até esse de salto que depois de muita espera consegui um. Tenho um estilo bem variado desde lady like, até mais alternativo dependendo do humor do dia. Acho que o importante é voce se sentir bem vestindo o que quiser e não se deixar ser escravizada pela moda como voce disse.
Um beijo grande

Cris Tina disse...

Mari, acho um modismo só!!!!
Principalmente esses modelos mais antigos, nao usaria.
Mas adoro tenis diferentes, e vi um modelo na Schutz que achei até legal, talvez se nao fosse tao caro, eu usaria esse modelo, pelo conforto e estilo. Contradiçao total né????
rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs

beijinhos..........

Mery - Coqueluxos disse...

Mari, adorei o texto, eu sou a blogueria que não tem o must have e vou ficar sem, pois não combinam nada comigo, acho super estilosos, mas nos outros, fico com o meu bom e velho salto!!! Bjokas

Renata Boldrin disse...

Mari, que texto hein! muito bom!
Eu particularmente acho esses snickers horrorosos, me faz lembrar o Le cheval, lembra?... aaff... bem diferentes daqueles All Star com saltinhos, que eram bem bonitos... não costumo aderir a modismos principalmente se não me agradam, e pior, se TODO MUNDO estiver usando, aí é que eu não uso mesmo (exceto por minhas caveiras e corujas...) A moda não me engessa!
Na boa, prefiro meu bom, velho e lindo coturno!!
Abraços!

disse...

é lindo! aprendi a gostar e me apaixonei depois que provei! ainda não tenho o meu :(
mas logo terei! *-*

Grasiela - Adoro Lilás disse...

Mari acho bonito sim....

mas acho q nao combina comigo, com meu biotipo..pernocas grossas.....rssss

beijo
Grasi

Juliano Dias disse...

Olá, acompanhei a conversa via facebook e adorei estar visitando seu blog, tenho um modelo da arezzo e amo. Beijos e até mais!

Paula Torelly disse...

Adorei a reflexão! É bem interessante analisar esse processo que as pessoas vão de odiar algo e começarem a amar pq viram celebridades e blogueiras usando!
=*
www.descalcaemparis.com.br

Michelle Amorim disse...

Oi Mari! Muito boa sua reflexão.

O meu caso com os sneakers foi só de amor, hahaha

Na primeira vez que vi já achei super estiloso. Só aquela língua gordinha me incomodava.

Aí a Esdra lançou seus sneakers também e sinceramente, acho até mais bonitos que os da Isabel e das outras marcas que também lançaram.

Hoje em dia, é um dos calçados que mais uso =) Eu adoro!

Priscila Martins disse...

Concordo com a Paula! Esse processo cíclico pelo qual o moda passa desde que é moda rsrs é mto interessante. Isso constuma e muito acontecer cmg.. odiar e logo em seguida amar. Aconteceu com os sneakers e agora tô na fila de espera por um! Sim, eu sou refém da moda.. mas há algum tempo venho tentando mudar isso e tenho me sentido bastante satisfeita com o resultado. Estou tomando mais consciencia e percebendo mais o que se encaixa com meu estilo e ou o que tem a ver comigo ;)
Tô adorando passar por essa transformação, mas quero deixar bem claro que é muuuito difícil hahá. Só que aí entra aquele lema de que querer é sim poder né?!

AMEI essa reflexão e concordo no que diz respeito a "todos respiramos moda" sim, o tempo inteiro (olha o Diabo veste Prada aí gente) kk

;* bjokas Mari

Deia disse...

ótimo post sobre os sneakers! Eu tenho e adoro, acho que combina comigo, mas observo algumas pessoas (algumas blogueiras) por aí que é bem o que vc falou, "parece que tem ódio de quem usa" vejo todo dia dando umas cutucadas no twitter, falando que é brega, cafona e blá blá.. fica me parecendo que querem usar mas como não fica bem nelas, elas metem o pau! deixa a gente ser feliz com nossos sneakers, ué!

Anônimo disse...

Continuo não gostando e acho que ele acaba com qualquer look!
Bjks
Mi